Comprar Criptomoedas
Paga com
Mercados
NFT
Feed
Transferências
English
USD

Bitcoin vs. Altcoin: Como avaliar o valor de uma criptomoeda em 5 etapas fáceis

2021-09-08

Principais conclusões:

  • A Bitcoin sempre foi a principal criptomoeda do mundo, mas milhares de criptomoedas alternativas, ou altcoins, foram criadas, todas disputando ou alegando ser o próximo grande êxito. 

  • Avaliar o desempenho de um criptoativo deve ir para além das suas recentes variações de preço. 

  • Avaliar o valor de curto e longo prazo de cada altcoin pode ser assustador, pois há muita investigação a ser feita, mas existem alguns fatores-chave para tornar sua avaliação mais sustentada.

  • Neste artigo, apresentamos um processo de cinco etapas que pode ajudá-lo a avaliar o valor à medida que procura novas altcoins em que investir. 

Desde que a Bitcoin foi criada em 2010 e explodiu em popularidade nos últimos anos, tem sido líder de mercado consagrada no setor de criptomoedas, com o domínio do mercado a atingir até 80% em vários pontos na última década. Embora a BTC tenha sido um sinónimo da indústria de criptografia, isso está a mudar lentamente, com várias inovações relacionadas com a blockchain a emergir de projetos de criptografia fora das tendências de criptoativos.

Em apenas um ano após a criação da Bitcoin, foram criadas diversas criptomoedas alternativas, também conhecidas como altcoins. Inspiradas na tecnologia blockchain da Bitcoin, essas altcoins tipicamente introduziram casos de utilização de blockchain que eram diferentes da iteração original da Bitcoin. Algumas dessas altcoins podem até ser consideradas descendentes diretas do Bitcoin, pelo menos em termos de serem criadas como um ativo criptográfico spinoff após uma grande atualização na blockchain de Bitcoin.

No início dos anos 2010, havia apenas algumas altcoins; no entanto, desde a estreia da Ethereum em 2015 e o subsequente aumento de popularidade em 2017, o número de altcoins disponíveis no mercado aumentou significativamente. A tecnologia de contratos inteligentes da Ethereum facilitou mais do que nunca aos projetos criarem suas próprias criptomoedas, levando à formação de várias startups que ainda são importantes intervenientes até hoje.  

Enquanto a Bitcoin continua a manter uma liderança considerável, mas que diminui lentamente, o mercado geral de criptomoeda amadureceu até um ponto em que agora pode avaliar o valor de cada altcoin, para além de compará-lo ao da Bitcoin.  

Bitcoin vs Altcoin

À primeira vista, é fácil partir do princípio que o domínio do mercado da Bitcoin faz dela a única criptomoeda em que vale a pena investir. Com seu histórico de uma década, a revolução financeira em curso que iniciou e a crescente influência que tem exercido até mesmo para as instituições financeiras mais tradicionais, a Bitcoin está no caminho certo para permanecer líder de mercado nos próximos anos, a menos que ocorram eventos extraordinários. 

Leia mais:Que criptomoeda devo comprar para além da Bitcoin?

No entanto, o florescimento do mercado geral de criptomoeda criou espaço para que altcoins dignas de referência pudessem tornar-se intervenientes de peso. Embora a Bitcoin tenha a atenção dos mais básicos comerciantes e proprietários de criptomoeda, as altcoins têm o luxo de aumentar seu alcance e influência. Isto fez com que surgissem muitos casos de várias altcoins a apresentarem um crescimento superior ao da Bitcoin. Até agora, este ano, das 100 principais criptomoedas listadas no CoinMarketCap, apenas 10 criptomoedas tiveram um desempenho pior do que o da Bitcoin, incluindo 15 dos 20 principais criptoativos. (Excluímos da ponderação as sete stablecoins no top 100.)

No entanto, cada altcoin tem o seu próprio conjunto de pontos fortes e fracos, levantando questões sobre sua viabilidade a longo prazo. Muitas altcoins, particularmente aquelas criadas nos períodos de florescimento do mercado de criptomoeda, começaram fortes, mas desde então caíram devido a um ou outro fator. Algumas delas foram rotuladas como golpes absolutos de saída, enganando aqueles que não praticam a devida diligência nos seus investimentos. Neste artigo, preparamos um guia detalhado para o ajudar a separar os tokens que valem a pena dos restantes.

Cinco fatores a ter em conta na avaliação de uma altcoin

Embora nenhum método único se destaque em termos de avaliação adequada de criptoativos, há alguns fatores cruciais que podem revelar muito sobre o valor e a trajetória de um ativo. Sob cada fator, também apresentamos algumas questões-chave que pode usar para avaliar os méritos de uma altcoin.

1. Função

As altcoins são normalmente criadas com um conjunto específico de casos de uso que visam resolver um problema em qualquer setor, através de uma solução blockchain. Uma altcoin que não tenha uma função clara provavelmente não terá futuro como armazenamento de valor. O problema de algumas altcoins que foram inicialmente sobrevalorizadas mas acabaram por falhar é o facto de acabarem por ser soluções para um problema que não existe. Outras altcoins afirmam querer tornar-se maiores do que a Bitcoin, o que provavelmente já deveria ser um alerta para potenciais investidores.

Eis algumas questões para orientar a sua pesquisa: 

- Esta altcoin faz algo de substancial para além de replicar uma moeda existente? 

- O propósito da altcoin é útil e atingível num futuro próximo?

2. Programadores e assistência

Da mesma forma que avalia o valor de uma empresa através da qualidade do que a respetiva equipa fez para gerar negócios, também deve estar atento à equipa que opera o projeto de criptografia por trás da altcoin que está a investigar. Pode começar por verificar os programadores da equipa e os respetivos históricos. Para além dos currículos, também deve ser capaz de ver o quanto se empenharam no projeto, se os seus esforços levaram a resultados positivos e se estão a trabalhar arduamente para informar o público sobre o progresso que fizeram. Faça a si mesmo as seguintes perguntas:

- Os programadores são capazes e respeitáveis? 

- A equipa trabalha ativamente em atualizações relevantes para o projeto de criptografia? 

- Esforçam-se para melhorar os seus produtos e manter contato regular com os investidores?

Tenha em conta que esse fator pode ser mais importante para novas altcoins que ainda não tenham tido impacto na indústria. Mas se uma altcoin já existe há algum tempo, o próximo fator provavelmente será mais importante.

3. História e reputação

Às vezes, um projeto de criptomoeda e sua altcoin associada podem ter membros com currículos respeitáveis na equipa. No entanto, isso não é uma garantia de que essa altcoin em particular será bem-sucedida. Às vezes, há eventos no histórico de uma altcoin que acabam por afetar as avaliações positivas que já tem sobre esse criptoativo. Cuidado com os alertas que podem surgir enquanto responde às seguintes perguntas:

- Houve escândalos no histórico da moeda? 

- Alguma violação de segurança foi exposta? 

- Há quanto tempo a altcoin está no mercado e quanto é que o seu valor aumentou desde então?

4. Volume

A menos que seja o tipo de investidor que é corajoso o suficiente para se aventurar em projetos extremamente novos e possa tolerar investimentos de alto risco, também deve analisar o desempenho do mercado aberto da altcoin. Para além de pesquisar o histórico de preços, pode verificar o sucesso de mercado da altcoin através do seu volume transacionado. Simplificando, quando mais pessoas negoceiam quantidades mais altas de uma altcoin no mercado, essa altcoin está em boa forma. É ainda melhor se as pessoas realmente utilizarem essa altcoin. Há duas perguntas importantes nesse fator:

- Quantas pessoas estão atualmente a utilizar a altcoin? 

- A altcoin está disponível em algumas das principais bolsas de valores?

5. Acessibilidade

Se, nessa altura, gostar do que vê na altcoin que está a pesquisar, provavelmente deve verificar qual é a facilidade de adquirir o ativo.  Afinal, uma altcoin promissora que seja difícil de aceder provavelmente é mais um incómodo do que um ativo adequado. As altcoins que são fáceis de adquirir são mais acessíveis ao público e mais propensas a escalar para mercados maiores. Verifique o seguinte: 

- Como adquiriria a altcoin? 

- Pode comprar essa altcoin por cartão de crédito, transferência bancária ou P2P?

Se as respostas às perguntas acima forem insatisfatórias, talvez seja melhor manter o seu plano atual por agora, até encontrar uma altcoin digna do seu investimento.

Conclusão

Ao avaliar o valor de longo prazo de uma altcoin, pode adicionar mais alguns fatores a verificar, dependendo do que é valioso para si. Também pode tomar como exemplo fatores que sejam considerados por algumas das empresas mais bem estabelecidas no espaço criptográfico. Em muitos casos, as altcoins estão sujeitas a um nível mais elevado de escrutínio.

Por exemplo, a Binance tem o seu próprio sistema para determinar quais as altcoins que devem ser disponibilizadas na plataforma de negociação. Quando realizamos essas análises, consideramos diversos fatores para listar ou excluir um criptoativo, tais como:

- Compromisso da equipa com o projeto de criptomoeda

- Nível e qualidade da atividade de desenvolvimento

- Volume de trading e liquidez

- Estabilidade e segurança da rede contra ataques

- Estabilidade de rede/contrato inteligente

- Nível de comunicação pública

- Capacidade de resposta a solicitações periódicas de devida diligência

- Evidência de conduta antiética/fraudulenta ou negligência

- Contribuição para um ecossistema de criptomoeda saudável e sustentável

Dito isto, esperamos que este artigo apresente um processo mais preciso para escolher altcoins adequadas para o seu portfólio e apetite por risco. 

Nota: Este artigo não endossa nenhuma criptomoeda e não deve ser considerado como um conselho de investimento direto, mas como um ponto de partida para realizar a sua própria investigação e retirar as suas próprias conclusões. A Binance não se responsabiliza por qualquer resultado que surja das suas atividades de trading independentes.

Leia os seguintes artigos úteis para obter mais informações:

(Blog)

(Academy)

(Assistência)na Binance