Comprar Criptomoedas
Pague com
Mercados
NFT
New
Transferências
English
USD

Cinco casos interessantes de utilização da blockchain que deve conhecer

2021-09-13

A Bitcoin foi criada para ser um novo sistema monetário global, mas a blockchain, a tecnologia subjacente para as criptomoedas, expandiu-se para vários setores. Neste artigo, destacamos cinco casos de utilização da blockchain que estão a tornar-se cada vez mais populares por todo o mundo.

Blockchain: desde pagamentos até à revolução multissetorial

Para ilustrar como a blockchain evoluiu para uma tecnologia que se utiliza em vários setores, temos de voltar atrás na sua história e apontar quando e onde evoluiu para desbloquear os muitos casos de utilização que entretanto foram desenvolvidos.

Quando a Bitcoin foi criada em 2009, foi proposta como um novo sistema monetário impulsionado por milhares de computadores distribuídos por todo o mundo, tornando o dinheiro menos dependente das autoridades centrais. Esta rede de computadores lida com um tipo de base de dados especial chamada blockchain, que usa uma tecnologia de registo distribuído para adicionar dados de forma permanente, o que permite um registo verificado de transações protegidas por criptomoedas e um consenso entre os computadores que a operam, entre outras tecnologias.

A principal função da blockchain da Bitcoin é facilitar a transferência de Bitcoin e registar essa transação de uma forma que não pode ser modificada ou eliminada posteriormente. Desde a criação da blockchain da Bitcoin, vários programadores adotaram a tecnologia para adicionar mais funcionalidades e casos de utilização. Quando a blockchain Ethereum foi criada em 2015, introduziu contratos inteligentes, o que permitiu que as pessoas programassem acordos contratuais que vão além dos pagamentos. Nesta altura, foram desbloqueados mais casos de utilização para o desenvolvimento da blockchain, com possibilidades que se expandem dependendo da forma como um indivíduo ou organização pretende utilizá-la. 

Hoje em dia, a tecnologia da blockchain resolve problemas que atormentam as partes interessadas em diversos setores, desde as finanças até à agricultura. Neste momento, existem milhares de plataformas de blockchain por todo o mundo, que vão desde operações verdadeiramente descentralizadas, como a Bitcoin, a iterações empresariais e privadas que estão sob o controlo de uma empresa para fins específicos. 

O caso de utilização mais prevalente da blockchain dá-se nas finanças. O que começou como um método descentralizado para registar transações permanentemente, evoluiu, desde então, para uma infinidade de serviços financeiros relacionados com criptomoedas, que vão desde compras únicas simples com a utilização de criptomoedas e trading, até funções mais complexas, como finanças descentralizadas (DeFi) para empréstimos, poupanças, pools de liquidez e mais.

Assim, de um ponto de vista financeiro, as criptomoedas são criadas para dar maior liberdade às pessoas no que toca à forma como ganham e utilizam o seu dinheiro. Desta forma, a blockchain permite a criação de mais vias para fornecer serviços financeiros a mais pessoas por todo o mundo, especialmente aquelas com pouco ou nenhum acesso aos sistemas tradicionais. No entanto, à medida que as criptomoedas ganharam popularidade na última década, mais casos de utilização foram desbloqueados.

Fique a conhecer cinco casos de utilização da blockchain

Existem milhares de casos de utilização da blockchain a serem idealizados, alguns mais populares do que outros. De momento, aqui estão cinco desses casos de utilização que ganharam popularidade por todo o mundo. 

1. Jogos (gaming) 

Assim que as criptomoedas se tornaram populares para pagamentos e finanças, os programadores criaram jogos de blockchain para introduzir as muitas soluções que a tecnologia pode oferecer para os problemas dos jogos, como a manipulação económica por empresas de jogos, os problemas de pagamento, possíveis interrupções e jogabilidade desequilibrada. Ao implementar uma rede de código aberto, distribuída e transparente para os jogadores participarem, a blockchain introduz inovações como propriedade real de ativos, atualizações guiadas por consenso, mercados descentralizados, tokens simplificados e muito mais. 

Um dos primeiros exemplos populares da blockchain em ação é o CryptoKitties, um jogo onde as pessoas podem colecionar e criar gatos digitais, com as transações a serem tratadas na blockchain Ethereum. A uma dada altura, o CryptoKitties atraiu tanta atenção que dominou o tráfego de rede na Ethereum. Desde que essa moda desapareceu, os programadores criaram novos e mais sofisticados jogos de blockchain, como o Alien Worlds, Axie Infinity, Cartesi, The Sandbox e muitos mais.

2. Imóveis

A blockchain permite um melhor serviço no setor imobiliário, o qual enfrenta problemas como transações lentas, litígios administrativos e desconfiança entre compradores, vendedores e intermediários. A implementação de sistemas blockchain no setor imobiliário permite a automação de tarefas e contratos de rotina, a listagem e controlo de dados transparente e redução de custos.  

Além de um melhor serviço, a blockchain desbloqueia modelos de negócios inovadores para o mercado imobiliário, como a propriedade fracionada de ativos de difícil partilha, contratos digitalizados para transações mais rápidas, financiamento coletivo (crowdfunding) de imóveis por meio de tokenização e muito mais.

3. Seguros

O setor dos seguros está repleto de ineficiências e exposto a fraudes. Como uma indústria com muitos registos, os seguros beneficiam da blockchain, com casos de utilização como uma melhor deteção de fraudes, manutenção de registos e resseguros (seguros para seguradoras). A blockchain também desbloqueia inovações em modelos de negócios de seguros ao possibilitar que as seguradoras ofereçam versões mais sofisticadas de seguros a pedido e produtos de microsseguro. 

O potencial das inovações baseadas na blockchain para resolver problemas nos seguros é tão elevado que cerca de 80% dos executivos de seguros já adotaram ou estão a planear implementar a tecnologia blockchain nas suas unidades de negócios.

4. Segurança

Embora a segurança seja um tópico amplo que abrange desde contas individuais a nações inteiras, a blockchain tem uma solução para problemas em cada nível. A nível individual, as soluções de segurança baseadas na blockchain incluem identidade autossoberana [self-sovereign identity], onde utilizadores individuais podem controlar totalmente as suas informações pessoais, bem como a proteção das transmissões de dados, mensagens privadas seguras e camadas de segurança para aparelhos domésticos ligados à Internet das Coisas, como termóstatos e routers.

A nível organizacional, as empresas implementaram a blockchain para a manutenção de registos distribuídos, de forma a evitar ataques que bloqueiam o serviço em pontos únicos de vulnerabilidade, tais como sites. Até mesmo os governos de países como a Austrália, Malta e China estão a utilizar a blockchain para fins de segurança. 

5. Arte 

Os NFTs, ou tokens não fungíveis, tornaram-se um tema popular no mundo da arte, à medida que as obras de arte criadas com recurso à tecnologia começaram a ser vendidas por milhões de dólares em leilões. O desenvolvimento dos NFTs trouxe-nos a criptoarte e os colecionáveis digitais, com artistas, músicos e influencers a utilizarem cada vez mais a tecnologia para lucrarem mais com o seu trabalho autêntico e único. A utilização de NFTs pode ir desde arte digital e música até documentos comprovativos de autenticação para ativos do mundo real, como obras de arte e joias. 

Pode obter acesso a alguns dos melhores NFTs do mercado através do Marketplace de NFT da Binance, onde pode explorar e comprar obras de arte digitais e colecionáveis a partir do conforto da sua conta Binance. Alimentado pela infraestrutura e comunidade da blockchain da Binance, o Marketplace de NFT da Binance oferece a plataforma de liquidez mais elevada para os utilizadores lançarem e transacionarem NFTs.

Para mais casos de utilização que estão a provocar burburinho por todo o mundo, consulte a Binance Academy, onde pode encontrar vários artigos onde são abordados casos de utilização da blockchain, como nos cuidados de saúde, governação,  cadeia de fornecimento, IoT (Internet das Coisas) e caridade.

Os gigantes globais que utilizam a blockchain

A blockchain veio para ficar, à medida que mais empresas e instituições encontram novos casos de utilização para a tecnologia. Aqui está uma lista de como algumas das maiores empresas e marcas do mundo utilizam a blockchain.

1. A J.P. Morgan desenvolveu uma versão corporativa da Ethereum chamada Quorum para processar transações privadas através da utilização de contratos inteligentes.

2. A IBM fornece plataformas de blockchain de nível empresarial para vários setores, como o automóvel, bancário, saúde, retalho e muito mais.

3. A Walmart trabalhou com a IBM para digitalizar o seu processo de cadeia de abastecimento alimentar, adicionando transparência ao seu ecossistema alimentar e garantindo a segurança das suas mercadorias.

4. A Alibaba incorporou a blockchain no sistema de rastreabilidade de produtos da sua unidade de comércio eletrónico transfronteiriço, a Kaola, para acompanhar a movimentação dos pedidos.

5. A Gucci concebeu ténis de realidade aumentada como colecionáveis digitais e é uma das principais marcas de luxo, ao lado da Louis Vuitton e da Prada, que utilizam a blockchain para proteger os seus produtos contra a contrafação.

No entanto, não precisa de ser uma grande empresa para tirar partido da blockchain. A nível pessoal, pode beneficiar da tecnologia para aumentar a sua riqueza e facilitar a sua vida através do trading de criptomoedas e dos serviços financeiros fornecidos pela Binance, onde pode utilizar criptomoedas e blockchain a partir do conforto do seu telemóvel.

Leia os seguintes artigos para saber mais sobre as adoções das criptomoedas: