Compre Cripto
Pagar com
Mercados
NFT
New
Downloads
English
USD

O que é Spread e Como Usar no Mercado Financeiro?

2021-08-17

Começar a investir no mercado financeiro pode ser um pouco difícil no início, principalmente com tantos termos diferentes. O spread é um deles.

Mas, se você busca conteúdos do mercado financeiro já deve ter ouvido sobre em algum momento o termo spread. No mercado de ações, o spread é o lucro bruto do investidor, que realiza day trade. Ou seja, o resultado de uma estratégia de operação em que se compra e vende um ativo no mesmo dia. Assim, o spread é essencial, pois representa os ganhos diários do trader.

O que é Spread

O Spread é a diferença entre o preço na hora de comprar um ativo e o de vender. 

É um indicador utilizado pelos traders para representar os ganhos diários com quem realiza day trade, e para indicar o lucro bruto obtido com as negociações de investimentos com ações ou criptomoedas. O indicador não considera os custos com taxas e impostos, observando apenas o lucro bruto do ativo. 

O termo é utilizado em diferentes situações, mas sempre indicando a diferença entre o preço na compra e na venda do ativo. O cálculo é muito utilizado pelos investidores que querem saber o retorno que terá com o ativo. Entretanto, há uma diferença entre o spread do mercado financeiro e o spread bancário. 

Spread do Mercado Financeiro e o Spread Bancário

Portanto, o spread do mercado financeiro está voltando para saber o lucro bruto obtido com o ativo. 

Já o spread bancário é a diferença entre os juros que são pagos pelo banco a um investidor e os juros cobrados em um empréstimo. Mas no mercado de criptomoedas, o spread também quer dizer a diferença do preço na hora da compra e da venda das criptomoedas. A grande diferença entre o spread do mercado cripto e o do mercado tradicional é quando envolve a arbitragem. Para comprar criptomoedas é possível investir em diferentes exchanges.

Portanto, a arbitragem é quando um ativo é comprado em um mercado e vendido em outro. No caso das criptomoedas, é então quando uma moeda é comprada em uma exchange e vendida em outra. O spread das moedas digitais, portanto, é quando a moeda é comprada por um preço e vendida por um valor ainda maior, onde obtém o lucro do trader. 

Como Usar no Mercado Financeiro?

No mercado de criptomoedas, o spread é fundamental quando envolve a arbitragem, pois é assim que aparecem as oportunidades de comprar e vender. 

É Importante Observar o Spread

Isso torna possível avaliar se as negociações vão valer a pena. 

Contudo, o spread do mercado financeiro é uma forma de definir a diferença de valores e do lucro em uma transação. Portanto, se comprar um ativo por R$20 e vender por R$25, o spread será de R$5, que foi o lucro bruto obtido com a operação. Alguns fatores podem influenciar o spread de um ativo financeiro, além da pressão de compra e venda, e da arbitragem. 

Atenção à Liquidez

A liquidez é outro ponto que faz toda a diferença para saber o lucro bruto do ativo. 

Quanto mais liquidez o ativo tiver, menor será o spread entre o preço de compra e o de venda, focando na liquidez como facilitando a negociação. Outro ponto é o volume negociado sobre as operações de curto prazo. Os investidores que utilizam day trade como estratégia de investimento, buscam lucrar com pequenas operações, assim conseguem aproveitar as variações diárias do ativo e ter mais lucro sobre eles, com um maior spread. 

Volatilidade é Fator Chave

A volatilidade do ativo faz com que o spread seja maior. 

No caso das criptomoedas o preço oscila muito diariamente permitindo assim que o investidor obtenha um lucro maior na compra e na venda de uma moeda. Diferente das ações que também passam pela volatilidade, as criptomoedas possuem uma oscilação ainda maior, possibilitando aos investidores utilizarem estratégias diferenciadas para ter um lucro, ou seja um spread, no momento da compra e da venda do ativo. 

Qual a Melhor Estratégia?

Cabe ao investidor definir estratégias seja de curto, médio ou longo prazo. 

Investir em ativos digitais exige muito estudo, pois o mercado é volátil. Além disso, como vimos o spread é um indicador importante para entender o lucro que está tendo com o ativo. Portanto, vale a pena considerar a análise do spread antes de vender o ativo, por exemplo. É importante que com análise fundamentalista e a análise técnica, o investidor consiga tomar decisões mais consistentes sobre os investimentos que fará. 

Por fim, a Binance, uma das maiores exchanges de criptomoedas do mundo, possui diversos conteúdos que vão ajudar a entender mais sobre o mercado cripto. Além do blog, a Binance Academy pode auxiliar a entender melhor os termos do mercado.

Confira esses outros 5 artigos que vão te auxiliar a compreender melhor o mercado das criptomoedas para você começar a investir, confira: