Compre Cripto
Pagar com
Mercados
NFT
New
Downloads
English
USD

Conheça as melhores carteiras de Bitcoin em 2021

2021-05-19

Então, você descobriu que o Bitcoin (BTC) pode ser um investimento extremamente lucrativo. Logo, como qualquer valor em dinheiro, essas moedas digitais precisam estar bem guardadas. Preocupado com isso, surge a pergunta: “Onde manter as minhas criptomoedas de forma mais segura possível?”

Os locais mais seguros para armazenar seus BTCs são chamados de carteiras de Bitcoin, ou, na forma em inglês, Bitcoin wallets. Esses cofres de criptomoedas possuem diferentes formatos, os quais permitem aos investidores uma possibilidade segura de guardar os seus ativos digitais pelo tempo que desejarem.

Algumas carteiras de BTC possuem mais praticidade do que outras, embora isso geralmente é algo que traz maior ou menor segurança. Mas, no final das contas, não importa o tipo de wallet que você escolher, você precisa conhecer a melhor opção para o seu contexto de investidor.

Para novos interessados no mercado das criptomoedas, este artigo traz de forma simples e resumida, as informações básicas para que você descubra qual a melhor carteira de Bitcoin para guardar suas moedas digitais.

Os dois tipos de carteiras mais básicos de guardar Bitcoin são as seguintes:

Hot wallets (carteiras quentes)

Ela é qualquer carteira digital conectada a uma rede, ou seja, elas estão “online”. Mas não se esqueça, carteiras digitais são aplicações. Assim, uma carteira “quente” pode ser apenas a parte de um sistema de carteira que fica online.

Tipos de hot wallets:

  • Carteiras web - Plataformas virtuais acessadas pelo navegador

  • Carteiras móveis - Aplicativos de smartphones

  • Carteiras para desktop - Programas instaláveis em seu computador

Cold wallets (carteiras frias)

Estas não estão conectadas à internet, as moedas armazenadas ficam sem qualquer tipo de acesso a rede e justamente por esse motivo são aquelas que fornecem o maior nível de segurança.

Tipos de cold wallets:

  • Carteiras de hardware - Semelhante a um pendrive, ou até mesmo um HD, em que existe um software instalado para gerenciar a carteira e armazenar as chaves privadas.

  • Carteiras de papel - Literalmente um pedaço de papel, impresso ou escrito, que contém as chaves públicas, privadas e as seedwords da carteira criada. Apesar de ser amplamente utilizada, frente as hardwallets já são consideradas como um modelo obsoleto de se armazenar criptomoedas de forma offline.

Hot Wallet vs Cold Wallet: qual carteira é a melhor?

Existem prós e contras para os dois tipos de carteira, assim sendo, a melhor será a mais adequada para as necessidades de cada usuário. Confira agora as principais vantagens e desvantagens de cada uma:

Hot Wallets:

As carteiras online têm o acesso mais facilitado para quem negocia em cripto com frequência. O usuário recebe e envia suas moedas de forma mais rápida e prática. Uma vez que estão conectadas à internet, apenas com um smartphone é possível pagar contas, fazer compras e realizar negociações.

O principal ponto fraco desse tipo de carteira é a maior vulnerabilidade para a investida de ataques de hackers. Se as senhas de acesso (chaves) forem descobertas, as moedas digitais ficam expostas a simples transferências para outro usuário.

Cold Wallets:

Nesta alternativa é preciso usar um dispositivo físico para armazenar BTC, visto que esses depósitos de criptos não estão conectados à internet. O usuário adquire um pen-drive de cold wallet, e conecta-o ao computador, quando for preciso usar suas moedas digitais. A maior segurança contra a invasão de hackers é a principal marca dessas carteiras, visto que não estão disponíveis na rede.

Um dispositivo físico, em contrapartida, está vulnerável a outra natureza de riscos, como roubo físico, danos causados pela água ou simplesmente desaparecer, colocando em risco o capital em criptomoedas.

Chaves de Carteiras de Bitcoin

As chaves, ou seja, senhas de acesso para acessar as carteiras digitais de armazenamento de BTC, podem ser públicas ou privadas. Isto quer dizer que com pares de chaves criptográficas correspondentes, um usuário recebe e envia transações de criptomoeda em uma blockchain. As chaves públicas são os códigos para poder aceitar e visualizar transações, e as chaves privadas para enviar fundos para outra carteira.

As chaves privadas são uma combinação de dígitos composta por até 78 números aleatórios, ou 256 bits na linguagem computacional. Isto assegura que o usuário seja extremamente protegido, cabendo a ele não informar a ninguém esse acesso, nem deixá-lo vulnerável a roubos cibernéticos de informações. É importante entender também que esses códigos são irrecuperáveis. Caso o usuário perca, as moedas digitais da carteira não poderão ser utilizadas.

Melhores opções de carteiras de Bitcoin em 2021

Conheça agora algumas das melhores opções de carteiras quentes para Bitcoin em 2021:

Trust Wallet

Essa é uma opção de hot wallet  em destaque, para app de smartphones. Com ferramentas simples, ela dá suporte para administrar uma ampla variedade de tokens e moedas digitais do mercado das criptos. O diferencial desta carteira está na possibilidade de fazer backup (cópia de segurança) de todos os seus ativos digitais e a interação completa nos variados ecossistemas de finanças descentralizadas, como a rede da Binance Smart Chain.

Exodus

Essa é uma das melhores e mais populares carteiras de criptomoedas para desktop. Lançada em 2016, a carteira Exodus além de oferecer suporte a muitas criptos, também possui uma função integrada para trading de moedas digitais.

Coinomi

Uma carteira quente bastante segura e fácil de usar, também oferece suporte para várias criptos. Esta wallet possui as versões desktop e app.

Blue Wallet

O foco dessa carteira é oferecer segurança e simplicidade aos usuários de BTC.

Electrum

É considerada por alguns a melhor carteira de Bitcoin para desktop. Ela está disponível em todos os três sistemas (Windows, Mac e Linux), além da popularidade e segurança para armazenar BTC.

Agora conheça algumas das melhores opções de carteiras frias para Bitcoin em 2021:

SafePal

Entre as opções de armazenamento de cripto em hardware, esta ampara uma larga quantidade de criptoativos e uma integração nativa com o ecossistema DeFi, armazenando com segurança suas chaves e ativos digitais. Mesmo relativamente nova, ela ocupa um lugar único no setor de carteiras de hardware por ser apoiada por grandes nomes do mercado de criptos, como a Binance Labs.

Trezor

É uma maneira segura contra ataques de hackers, vírus, keyloggers e outros perigos cibernéticos. Possui ainda Backup simples capaz de restaurar todo o conteúdo do dispositivo em caso de incidentes. É uma das carteiras mais conhecidas e utilizadas pelo mercado. 

Considerações Finais

Entender essas opções de armazenamento de Bitcoin, e a maneira como suas chaves funcionam, é crucial para escolher entre uma carteira quente ou uma fria. Independente delas operarem em dispositivos com ou sem conexão com a Internet, é algo essencial, no entanto, para qualquer carteira, saber que a forma consciente com que o usuário lida com elas reduz significativamente os vetores de riscos.

Para ficar informado sobre esse mundo incrível das criptomoedas e saber como investir e manter suas economias através de moedas digitais, acesse o site da Binance e faça o seu cadastro.

E, para que você fique ainda mais informado, preparamos 5 artigos que vão te auxiliar nessa jornada!